De todas as mulheres do Brasil, 8% são donas do próprio negócio

Quando organizou seu próprio casamento, Tatiana Goldstein se viu imersa em um trabalho de jornada completa. “Na época, senti necessidade de contar com um site que oferecesse ferramentas para ajudar os noivos com a organização do casamento”, conta a empreendedora, fundadora do Casar Casar, plataforma que reúne em um único espaço diversos serviços usados pelos noivos na preparação do casamento.

Diante da experiência pessoal, ela decidiu criar a startup em 2012. “O CasarCasar é o portal que eu gostaria que existisse quando me casei”, diz. Assim, ela investiu R$ 3 milhões no negócio, que registrou 1.606 noivos em janeiro e emprega dez pessoas atualmente.

Antes de abrir a própria empresa, Tatiana teve uma carreira em grandes corporações. Quando decidiu empreender, ela trabalhava na área de marketing da Turner Broadcasting Systems para os canais CNN en Español e CNN International para toda a América Latina. “Admito que deixar a comodidade de um bom trabalho em uma empresa multinacional não foi nada fácil”, relembra. “Foi uma grande aposta e uma decisão que levou bastante tempo a ser tomada.”

Com sua decisão de empreender, Tatiana engrossa uma estatística crescente, a de mulheres empreendedoras, mas que ainda é tímida no universo das startups. Um levantamento recente da Serasa Experian mostra que o Brasil tem hoje 5,7 milhões de mulheres donas do próprio negócio. Isso significa que 8% de toda a população feminina brasileira é empreendedora.

Entre todos os donos de empresas no país, 43% são do sexo feminino e a idade média dessas mulheres é 44 anos.

Apesar de assumir os riscos de empreender, Tatiana não se arrepende da mudança profissional. Cada vez que enfrenta um problema, ela diz pensar na ausência de desafios e na monotonia de seu último emprego. “Além de não ter chefes, começar um projeto do zero abre muito espaço para a criação e oferece uma oportunidade única para se realizar profissional e pessoalmente”, diz ela, que reforça a importância de ter passado por grandes empresas antes de tocar o próprio negócio. “Sem dúvida, toda minha experiência profissional anterior foi fundamental e me deu as ferramentas necessárias para embarcar nesse projeto.”

Fonte: Por Adriana Fonseca - PEGN


 
Veja Mais:

  • 27/05/2015 - Regularizações de dívidas seguem negativas

  • 25/05/2015 - Ademar dos Reis e José Saraiva ainda cantam compos...

  • 15/04/2015 - O bom líder é aquele que faz a equipe funcionar se...

  • 14/04/2015 - Começa hoje a Semana do Microempreendedor Individu...

  • 30/03/2015 - FGV oferece cursos gratuitos na web para empreende...

  • 25/03/2015 - 5 razões para sair da mesmice e abrir um negócio

  • 25/03/2015 - 5 hábitos que todo empreendedor deve ter aos finai...

  • 19/03/2015 - Empreendedora monta negócio de sucesso depois de f...

  • 19/03/2015 - USP lança na web curso gratuito de administração d...

  • 03/03/2015 - Com o apoio do Sebrae, 11 dessas entidades funcion...

  • 03/03/2015 - De todas as mulheres do Brasil, 8% são donas do pr...

  • 03/03/2015 - 5 erros que você comete na hora de fazer o orçamen...

  • 03/03/2015 - 7 coisas que todo mundo precisa saber sobre home o...

  • 27/02/2015 - Você não é insubstituível

  • 26/02/2015 - 5 erros cometidos por empresas nas redes sociais e...

  • 26/02/2015 - 7 dicas para ter uma memória melhor

  • 25/02/2015 - 7 dicas essenciais para quem deseja vender serviço...

  • 25/02/2015 - Postos de Combustíveis de Nova Esperança estão no ...

  • 25/02/2015 - Duas rodovias que dão acesso a Nova Esperança estã...

  • 12/02/2015 - 10 estratégias infalíveis de marketing

  • 11/02/2015 - Três dicas para empreender no e-commerce

  • 11/02/2015 - Leite desenvolvido no Paraná vira aliado na batalh...

  • 11/02/2015 - Erosão em Alto Paraná coloca em Risco a BR-376

  • 03/02/2015 - Acidente entre dois carros no trevo de Atalaia dei...

  • 03/02/2015 - Polícia realiza operação contra o tráfico de droga...

  • 03/02/2015 - Gasolina e diesel ficam R$ 0,20 mais caros para os...

  • 30/01/2015 - Você é um colaborador vaca leiteira, estrela ou ab...

  • 29/01/2015 - Denarc faz grande apreensão em Nova Esperança-PR

  • 28/01/2015 - Sem crise, Paraná ’agradece à natureza&rsquo...

  • 26/01/2015 - Clima e preço baixo prejudicam produtores de arroz...

  • ACINE NA WEB

    Acine Acine Acine

    Rua Vereador José Felipe Elias, 635 - Centro - Nova Esperança/PR | Fone: (44) 3252-4242

    A ACINE fazendo mais por Você, sua Empresa e nossa Cidade

    Desenvolvido por Hnet Websites